quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Chuva no Marrocos

Quando cheguei em Rabat, trouxe comigo um pouco de sol e calor do Brasil... o clima tava ameno e nenhum sinal de chuva. Infelizmente, o estoque de calor acabou e desde ontem chove em Rabat

Acordei ontem de manhã com o barulho da chuva, comecei a me arrepender de ainda não ter comprado um guarda-chuva. Para minha felicidade, a chuva deu trégua na hora de sair e consegui chegar no trabalho sequinho. Para evitar problemas futuros fui na Medina e comprei um guarda-chuva que não precisei usar para voltar para casa.

De noite, decidimos sair para jantar... algo me dizia para não ir, fui! Estava super feliz com minha nova aquisição, um guarda-chuva que, apesar de grande, não inspirava a menor confiança. No meio do caminho começou uma chuva fina, todos devidamente protegidos, chegamos até o restaurante - que estava fechando - mas como somos cliente assíduos, o dono nos atendeu.

Todos jantamos, pagamos, mas na hora de ir embora amigo... tava caindo O toró!! O problema da chuva aqui é que, além da chuva, venta demais e para dificultar o trajeto, o chão da medina e algumas calçadas daqui são extremamente escorregadios.

Saímos em duplas: Julia e Alhadi (o Heidi do primeiro post heheheheh - aprendi a escrever o nm dele) e eu e Otília, ja q n tinha guarda-chuva p/ td mundo. Andávamos lutando contra a chuva, o vento, o chão q escorregava e as poças. Por isso, andávamos olhando para o chão e com o guarda-chuva na nossa frente... n percebi um toldo e bati o guarda-chuva la, bem em frente a um restaurante, todo mundo riu ahuahuahauhauha

A saga continuava, mas estava ficando dificil demais... finalmente saimos da medina, mas antes, o guarda-chuva começou a sucumbir, foi o início do fim... numa rajada forte de vento uma das arestas quebrou. Otilia tentou colocar no lugar, mas vi que não daria... continuamos. O fato é q, os prédios pequenos da Medina nos protegiam do vento de verdade... assim q saímos, n deu nem 1min, o guarda-chuva virou e aí, pronto... o guarda-chuva virou, depois 2 arestas se foram de uma vez só. Acho q vi como se faz um guarda-chuva, so q de trás pra frente, pq nunca vi um guarda-chuva se desmanchar como aconteceu com o meu. Parecia q era de açúcar... e assim morreu meu guarda-chuva comprado DE MANHÃ!!! Não durou nem 24h

O jeito foi fechar o casaco até o pescoço, colocar o capuz do casaco na cabeça e correr.

Hoje de manhã a chuva continuava, mas, novamente, trégua na hora de ir trabalhar. Fui imediatamente na Medina comprar outro guarda-chuva, mas por conta da chuva forte, ainda não tinha ng no mercado. A chuva voltou com tudo e não parou. Enquanto escrevo este último parágrafo, um som começa, n qro acreditar, mas qdo me aproximo da janela e vejo, pedras de gelo... Ta chovendo granizo em Rabat

3 comentários:

  1. heuheuheuehue, muito bom, Rod! =D

    ResponderExcluir
  2. hahahahha
    Aposto que vc ainda vai aprender a importãncia de uma máquina de lavar roupas!!!!

    ResponderExcluir
  3. Ja aprendi, ontem levei 3 mudas de roupa p/ lavar pq a coisa tava começando a ficar precária hehehehehe

    ResponderExcluir